segunda-feira, 19 de novembro de 2012

[Gordinha's Facts] Uma batalha perdida

Fiquei de mimimi pra escrever esse post, até que finalmente tomei coragem. É uma bronca pra mim mesma e vou torná-la pública, afinal, acho que devo isso as pessoas que lêem meu blog.

Saí um dia desses com meu namorado, acho que foi dia 17/11, e fomos a um restaurante que eu adoro, mas que só serve refil de bebidas do tipo refrigerante. Ok, claro que eu poderia ter pedido qualquer outra coisa que não fosse refil, mas o fato é que o meu bolso reclama e me faz tender para a relação custo x beneficio mais atraente. Então... acabei indo pro maldito refrigerante. Se não me engano, tomei dois copos e me senti estranha. Acho que a expressão certa seria traída por mim mesma. Senti o boicote de uma forma tão intensa, que me senti mal mesmo e fiquei remoendo aquilo por horas. Me deu uma vontade incontrolável de sair para a academia mais próxima para fazer um spinning ou uma aulinha de boxe. Mas não fui.


Mas sabe que o episódio me deu mais gás para continuar? E desde esse dia - que gostaria de apagar do calendário pra me manter intacta na minha luta - eu não coloquei uma gota de refrigerante na boca. E olha que as tentações estão por toda parte!! As pessoas me oferecem refrigerante sempre, e eu sempre recusando educadamente. Vou seguindo nessa linha. E vai dar certo.

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

[Gordinha's Facts] Vitória!!!!

Hoje vim pra contar sobre uma decisão muito importante que tomei no dia 28/10. Num domingo! De acordo com minha mãe, não é um bom dia para tomar decisões radicais, mas pensei: existe algum dia certo para se tomar decisões? Radicais ou não? Resolvi por domingo mesmo. No fim das contas, achei domingo até interessante, já que é um dia da semana em que normalmente estou na casa dos meus pais e "meto o pé na jaca" sempre. Seja em comida salgada, doces ou refrigerantes. Daí, logo depois do almoço, fazendo a digestão lentamente no sofá confortável instalado num dos cantos da sala, resolvi: NÃO VOU TOMAR MAIS REFRIGERANTE!!!

Radical demais!!! Logo pensei. Mas achei melhor assim. Fiquei pensando nas pessoas que resolvem diminuir a quantidade ingerida, mas no geral, não param de tomar a bebida, alegando que estão tomando "só um gole". E no fim, bebem tanto quanto estavam bebendo antes. Cortar é melhor. Ou oito ou oitenta, como diz o ditado.

E como estou me sentindo tendo cortado radicalmente o refrigerante da minha vida??? Muito bem!!! Não tenho sentido falta alguma. Bebo meus sucos e água e mesmo naquele calor absurdo não imploro por um gole de coca cola ou guaraná. Estou me sentindo ótimo. Até agora, nenhuma recaída. O mais bacana é que a maioria das pessoas ao meu redor perceberam - sem eu contar - essa mudança e nem me oferecem refrigerante.

Estou feliz comigo mesma. Sempre vi vários amigos que simplesmente pararam de tomar refrigerante e eu sempre dizendo que era difícil, que provavelmente eu não conseguiria...
Mas eu nunca havia tentado!!! E agora vejo que não é tão difícil assim... A força de vontade tem de estar presente e o apoio dos amigos é fundamental. Bom também, é pensar que você está fazendo isso para você mesma e não para terceiros ou quartos... E não importa o que os outros digam, você vai conseguir!

Até agora, estou firme e forte! Vamos continuar nessa vibe!!!


Beijos

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

[Gordinha's Facts] Primeira CORRIDA

Só vim dar um alô pra dizer uma coisa muito muito bacana: A PRIMEIRA CORRIDA A GENTE NUNCA ESQUECE. Já sabe que eu curto esses eventos de corrida né? Mas sabia que eu corri??? Pois é! Sempre participei dos eventos e só caminhei, mas no último em que participei, corri no inicio - uma boa parte -, caminhei no meio e corri novamente no fim. Foi ótimo! Me senti até meio diferente, mais merecedora da medalha do que das outras vezes em que caminhei. Poxa!!!! Eu corri!!! Fiquei muito feliz e essa é a meta: tentar correr sempre.

Tenho que manter a chama da vontade acesa, então, de presente, vou me dando acessórios para incentivar a corrida e a prática da atividade. Não só da corrida, mas das lutas e da malhação. Me dei uns casacos - mesmo achando que não vou usar -, algumas blusinhas novas e um tênis! Um que eu queria faz tempo!!! Um ASICS!


E assim vou seguindo... E vem mais desafio por ai...

terça-feira, 6 de novembro de 2012

[Gordinha's Facts] Manhê... To correndo!!!

Já deu pra sentir a vibe só no título do post né? Pois é... comecei a achar que caminhar não era mais suficiente e resolvi procurar um apoio técnico profissional para correr. Pesquisei muitas equipes, pesei preços, locais de treino e fechei com a Equipe Sul Carioca. Melhor custo benefício, treinador legal, que me compreende e que faz treinar sério!

Tenho uma planilha de treinos bastante interessante, porém, não muito puxada, que foi feita para correr na rua, mas devido a minha "mudança" para a academia, ela pode ser adaptada para treinos na esteira. Me lembro que quando comecei a seguir a planilha, quase morria quando tinha que correr... agora, corro tranqüilamente, sempre tentando esticar um pouco mais no tempo solicitado para o treino. Acho que a idéia é sempre tentar se superar a cada treino. Confesso que estou curtindo mais correr na esteira. Acho que a regularidade do piso e o clima a favor (inclua pessoas e sons) é bem melhor. E sabe que já está na hora de mudar a planilha??? Fiz no mês de outubro todo e chegou a hora de renovar. Estou com um medinho besta, já que vai puxar mais (acho)... Mas foi pra isso que eu busquei o treinador né? Então vamos em frente. É bem provável que eu monte junto com ele a minha planilha nova amanhã. Posto novidades assim que estiver tudo ok.

E falando de esteira, já deu pra sacar que eu voltei pra academia... voltei a malhar! Consegui uma academia muito bacana perto da faculdade (acho que cheguei a comentar dela aqui) e estou fazendo boxe, muay thai, corrida na esteira e malhação. Tudo junto! Num mesmo pacote! Com os horários mega organizados! Estou animada! Dá um certo trabalho arrumar as coisas todos os dias, carregar aquela mala gigante pra cima e pra baixo junto com a mochila, mas a mudança no ponteiro da balança sempre estimula o dia seguinte. E por enquanto, estou indo... acordo cedo pacas e vou. No inicio, achava que não conseguiria, já que estava saindo de uma vida sedentária pra uma de pura atividade... mas não é que consegui? Já estou na fase de ficar mal se não for malhar, correr ou lutar.

E assim está minha vida... nessa rotina de academia, faculdade e trabalho, até que estou me saindo bem. A parte boa disso é que chego em casa com o corpo pronto para dormir. E ando tendo noites ótimas de sono! A alimentação também mudou... Quer saber como? Conto no próximo post...


Beijos

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Todas querem Gray

Ando completamente fascinada por um livro. Devo dizer “O” livro. Falo do Cinquenta Tons de Cinza. Estou completamente viciada e recomendo a leitura à todos que me perguntam sobre ele. Não vim aqui contar o livro – isso seria demasiadamente desagradável -, mas vim sim, dar dicas sobre ele e falar como me sinto.

A fascinação é imediata. Logo nas primeiras páginas, toda a intensidade escondida entre as palavras te arremata de um jeito que fica impossível parar de ler e impossível de não se imaginar ali. Você ri quando os protagonistas riem, você fica aflito, você fica sensível, você sente exatamente tudo o que os personagens sentem. Você concorda e retribui secretamente com um sorrisinho no canto da boca ao ler determinadas palavras e imagina, sem dúvidas, seu corpo imerso naqueles cenários perfeitos – e totalmente reais. Fazia tempo que um livro não me pegava de jeito e esse... nossa... é übber arrebatador.

O fato é que nós, mulheres, secretamente desejamos um Sr. Grey, mesmo com suas excentricidades. Mas é aquilo: o cara definitivamente tem um jeito esquisito de amar, mas é esse jeito esquisito pelo qual as mulheres ficam fascinadas. Ele ama, mas de uma maneira tão diferente, tão intensa, tão particular, que todas querem passar por aquilo, doa ou não. A questão é viver a experiência – intensamente. Eu mesma quis realizar algumas coisas... Mas sonhar pode, né?

Recomendo o livro a todas que querem viver algo no mundo da fantasia – já que o Sr. Grey não é uma pessoa tangível – mas com algumas ressalvas. Se você for do tipo que exterioriza todos os sentimentos, isto é, chora fácil quando lê algo que pode provocar choro ou ri e ruboriza loucamente quando algo a acomete de vergonha, não leia em público. Se você está numa fase “ninguém-me-ama-ninguém-me-quer”, não leia, já que é bastante provável que você fique com certo ódio da protagonista. Se você está numa fase onde o sexo é só uma palavra no seu dicionário erótico empoeirado eu diria que sim e que não. Diria que sim para aquelas que sabem se controlar e que não vão sair da leitura caçando o primeiro par de jeans masculino para dar uns amasssos qualquer, digo sim para aquelas que estão na seca, mas sabem se controlar. Diria que não para aquelas absolutamente loucas por sexo, que não vão se conter e vão querer transar com o motorista da van só porque deu vontade em qualquer lugar – depois de ter lido as partes mega picantes do livro.

Mas no fim... leia SIM!!! Faz um bem danado, dá umas ideias ótimas e altamente recomendado pras meninas – e meninos, porque não? – “openmind”. Fiquei com pena de terminar o primeiro livro... Posterguei o máximo que eu pude, mas poxa, tem mais dois (e já comecei ler o segundo)!!! Sim, o entrelace amoroso-sexual dos protagonistas e seus dilemas são divididos em 3 saborosas partes. E vai ter filme!!! Mal posso esperar!!!

domingo, 30 de setembro de 2012

[Gordinha's Facts] Companheira(s)

Só vim aqui, nesse post pequeno, mas não de menor importância, falar de algumas amizades que eu fiz e de outras que reforcei ainda mais indo a esses eventos esportivos.

Conheci umas meninas incríveis, com histórias fantásticas, daquelas que inspiram, das que nos fazem querer saber os detalhes, das que nos servem de modelos. Uma se chama Lenize e outra se chama Mariana. As duas são exemplos de que praticar esporte é buscar saúde. E elas conseguiram! Abraçaram um esporte, se descobriram apaixonadas e estão vendendo saúde! Muito bacana mesmo... E são, principalmente, pessoas do bem.

Outra mega fofa foi a Danielle... Muito gente boa, e daquelas que curtem ser simplesmente feliz. Essa corre hein!!! E ela começou assim, do nada... E ama!


E minha mega companheira de caminhada, Simone, que merece todos os créditos por ter me apresentado a essas meninas maravilhosas. Simone caminha comigo, nos apoiamos sempre, nos damos força. É o tipo de pessoa que conversa sobre tudo, tem sempre opiniões formadas e papos divertidos. Nossas caminhadas nunca foram silenciosas... acho que é por isso que não baixamos nosso tempo, né, Si??? Sempre digo que quando ela vai sem mim, o tempo dela sempre melhora, mas ela teima em dizer que isso é bobagem. Minha primeira caminhada foi com ela, que me incentivou - e incentiva - sempre. Estamos sempre juntas!!!

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

[Gordinha's Facts] Manhê, to caminhando...

É isso... Tempos que não venho aqui né... Mas muito trabalho, envolvimento com o iPhone e confesso: pouca criatividade para escrever, mas muitas novidades!

Lembra daquela academia em que me inscrevi? Realmente maravilhosa.. freqüentei legal, malhei... Mas algumas coisas que ocorreram ao redor dela me deixaram meio chateada e eu resolvi sair na semana passada. Não estava - e não estou - na vibe de me aborrecer por pouca coisa. Então... no momento, estou sem academia. Já estou procurando outra... Tendo em vista que a greve das universidades federais acabou e que o segundo semestre de 2012 deve começar em outubro e que eu pretendo me dedicar aos estudos na faculdade... estou procurando uma academia perto dela, onde eu possa unir o máximo de atividades, para otimizar meu tempo. Acho que encontrei uma: une varias modalidades de luta e academia mesmo... Então não vou ter aquela obrigatoriedade de malhar de verdade se já vou estar lutando e o preço por estar ou nao estar malhando será o mesmo. Ainda tenho planos de nadar - de aprender a nadar, para ser bem sincera - e quem sabe eu consiga! Estou reunindo o máximo de atividades para acelerar essa minha perda de peso. A natação não é certa, apesar de eu já ter comprado uma touca de natação linda de viver, mas estou sim querendo encaixar nos meus planos. Além de tudo isso, comecei a caminhar e a correr, que é a grande novidade do post.

Comecei a participar de alguns eventos de corrida - mas caminhando - e acabei gostando. A vibe da galera no dia do evento é fantástica, é impossível você não ficar contagiado com a energia e a alegria do local. Gostei muito da primeira caminhada que eu fiz. Achei que fosse desmaiar, já que o calor estava muito forte e eu estava me sentindo meio sedentária, afinal, mesmo freqüentando a academia e lutando, eu estava fazendo uma atividade que não tinha nada a ver com o meu dia a dia. Minha primeira caminhada foi em maio/junho, a do câncer de mama. E depois dessa vieram outras... Me empolguei muito e fui me inscrevendo de forma desenfreada nos eventos, mas sempre caminhando. Curti mesmo esse lance de ir caminhar cedo, pegar uma energia boa, encontrar com velhos e novos amigos e ganhar medalha no final. Aliás, as medalhas são muito importantes.
Só o corredor ou quem caminha sabe o quanto pode ser doloroso chegar até a linha de chegada. Só o atleta sabe o quanto ele teve de treinar, o quanto ele se desgasta para chegar até o fim. Alguns chegam a se sacrificar, forçando o corpo a um limite que ele mesmo desconhecia. Eu sempre me emociono quando vejo uma pessoa nessas condições cruzar a linha de chegada com um sorriso, sinalizando que o corpo está em frangalhos, mas ele não poderia estar mais satisfeito. A medalha vem pra coroar isso tudo. O esforço, a quebra/descoberta dos limites, o suor, as dores e a vitoria. Sempre é um momento bacana esse de pegar a medalha, tirar fotos com os amigos também "medalhados"... Sempre me diverti muito.

Mas comecei a pensar que caminhar não era o suficiente. Resolvi querer correr. Até iria começar na minha rua, onde eu vejo que tem bastante gente correndo e tal... Mas sem acompanhamento não dá! Sempre tive medo de lesões, de fazer coisa errada e prejudicar não só a corrida, mas a caminhada e minhas outras atividades físicas... Por isso, resolvi procurar um treinador.
Mas isso eu conto no próximo post....


Beijos

sábado, 14 de julho de 2012

Nada fácil...

Voltei!!! Não sei se pra ficar, mas estou aqui...
Novidades? Ando mais esportista do que nunca. Tenho me metido em corridas e caminhadas e sabe que eu tenho gostado? Fiz amigas novas nessas andanças e reforcei umas amizades antigas. Sempre me sinto bem.
Estou matriculada regularmente numa academia e tal... mas isso você vê no meu outro blog que eu amo muito e conto minha vida com a luta constante com a balança.

Tenho andado tão cansada!!! Não sei porque, afinal, depois de tantas atividades físicas, eu deveria desmaiar ao chegar em casa, mas não. Fico rolando na cama como uma pedra rola a ribanceira. Mas minha genética é favorecida quanto ao fato de não ter olheiras e eu curto muito isso. Posso ficar sem pregar o olho, mas no dia seguinte, basta lavar o rosto com um sabonete indicado para minha pele pra eu parecer super bem - e alguns até dizem rejuvenescida (aff...) - e linda. Mas ando investigando esse cansaço. Já olhei o colchão, já fiz exames.. mas os médicos não encontraram nada relevante.Já pensei em apelar para os remédios e até para psicólogos... mas uma coisa que minha Sis Mariana me disse me intrigou: você não pode estar sendo perturbada por algum espírito? Será??? Mas isso "faz sentido", já que eu só não consigo dormir em casa... Mas vou investigar seja com um psicólogo ou um pai de santo.

Mas o sono, acredite se quiser, é o menor dos meus problemas. A greve das faculdades públicas me deixa tensa. Péssimo não saber em quando termina um período e quando começará o outro. A única certeza que temos, é de que o calendário ficará louco, com alguns tendo aula no natal e no carnaval, tudo para compensar esse período sem aulas. Na minha faculdade - por exemplo - nem todos os professores pararam. Os meus continuaram dando aula e até aplicaram provas... não ficaram devendo nada. Só aguardam alguma decisão interna para lançar as notas no sistema. Particularmente, acho que o calendário da minha faculdade não sofrerá tantas modificações, devido ao fato de os professores terem "adiantado o lado de todos" e de a instituição não ter suspendido o calendário acadêmico. Mas eu vou relaxar - tentar -, já que "estou de férias".

Mas de resto??? Tudo ótimo... namoro indo sempre tranquilo, feliz... sempre nos renovando, sem brigas, sempre amigos, companheiros, cúmplices. Amo muito. Estamos com planos audaciosos para 2013... Quando estiver mais perto, quem sabe???


sexta-feira, 11 de maio de 2012

[Gordinha's Facts] Receitas!!!

Estou devendo umas coisas né??? Uma delas envolve receitas... Tenho uma lista de sucos “emagrecedores” (e de comidinhas bacanas) que eu andei testando e vou te falar: uns funcionam e outros enganam. Claro que meu objetivo não era fazer a dieta dos sucos (ou coisa parecida), mas era testar a ideia de saciedade das bebidas. Entrei nessa com o único propósito de ter uma opção saudável e prática para o lanche da tarde no trabalho. Algumas realmente acalmam o estômago e outras nem tchum. Tenho uma lista grande e não testei todas. Por hoje, vou postar duas que eu fiz e gostei muito, e costumo repetir, o que até me impede de testar novas receitinhas.

Vitamina de maçã com quinoa
Ingredientes 
1 maçã grande sem casca e picada 
1 copo de iogurte natural
1 colher (sopa) de quinoa em flocos 
2 colheres (sopa) e mel 

Modo de preparo
Coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata até ficar homogêneo. Sirva a seguir.


Suco seca barriga
Ingredientes
• 1 ameixa-preta seca
• 2 fatias de abacaxi
• 3 folhas de hortelã
• 1 copo (200 ml) de água mineral 
• 1 col. (sopa) de semente de linhaça

Modo de fazer
Deixe a ameixa hidratar por oito horas na água e dentro da geladeira. Junte aos outros ingredientes e bata no liquidificador. Beba sem coar.


Esse suco é ótimo!!! Mesmo sendo suco, ele dá uma sensação de satisfação muito bacana, ao contrário do que as pessoas podem pensar ao contrastar com a vitamina. Fato é que a vitamina enche mais por ter leite, o que garante um líquido mais encorpado, que sustenta mais, mas o suco não deixa a desejar em nada. Vale a pena experimentar!!!

[Gordinha's Facts] Opa!

Não sumi não, viu??? E a dieta??? Bom... dei umas tropeçadas essa semana, quando comi um pão francês inteiro e caí na tentação de comer macarrão!!! Mas são águas passadas e eu me recupero logo.
Vim aqui hoje pra compartilhar um triunfo. Não sei se é de conhecimento, mas o fato é que eu estava vestindo G pra tudo! Hoje, meu namorado me deu duas roupas - lindas e de extremo bom gosto, e já estou usando uma delas - de tamanho M. Fiquei tensa, achei que não fosse dar, mas... não é que deu??? Fiquei radiante. Estou me sentindo super bem com a roupa, que é um macacão jeans, TQC, como se fosse um jeans manchado. Estou apaixonada.

Mas a dieta - essa que eu postei -  continua em vigor, com algumas modificações, afinal, tem mesmo coisas que não consigo fazer. Mas nem só de triunfos viveu minha semana. Além de dar uma derrapada na dieta, faltei três semanas ao treino de Muay Thai. Não queria faltar nem nada, mas o fato é que semana de provas na faculdade acaba com qualquer um. Virei noites a fio estudando, passando o dia no bagaço, mas agora eu to de volta. Semana que vem será mais um restart. Mas junto com isso, tomei coragem - finalmente - e me inscrevi numa academia muito interessante, com aparelhos de última geração e custo benefício fantástico, apenas 69 reais por mês (no plano mais caro). Agora é meter as caras e com muita garra, colocar o projeto #DeliProject em ação.


Vamos seguindo né... daqui a pouco, quando piscarmos, já é verão... e aí???

domingo, 29 de abril de 2012

[Gordinha's Facts] Nãããããããããão

OMG!!! Hoje estou no trabalho e acabei saindo da dieta! Tenho de ser sincera comigo mesma e lógico, no blog, e sim, eu saí da dieta certinha. Devia fazer meses (muitos meses) que eu não comia um biscoito doce e comi hoje, dois biscoitos. Além disso, hoje foi dia de trazer minha marmita, já que é domingo e não tem nenhum restaurante aberto aqui perto do trabalho e, por consequência disso, não comi minha tradicional saladinha nem meu tradicional peixinho... 
Mas mesmo saindo da minha dieta, comendo dois biscoitos e carboidratos, não exagerei nas porções. Hoje trouxe de comida o combo: arroz + feijão + bife de fígado + inhame. Nada exagerado, afinal, a combinação é uma bomba, e tive que comer pouquinho. Mas foi uma quantidade que me satisfez. Amanhã eu volto pra comer a saladinha...
Não, não tirei foto da minha comida de hoje. Estava misturada no pote e eu não curto comida misturada. Comi pq foi papai quem fez e estava maravilhosa... Mas se tivesse vindo de outra pessoa, jamais comeria.

Mas e a dieta da proteína??? Vai de vento em popa, mas com umas lufadas fortes de vento às vezes... eu sempre furo a dieta, acho que não é novidade, mas sabe qual é o meu furo??? Aquele NESCAU de todo dia... Mas eu supero. Ando bastante e tal... Exercícios e mais exercícios... Mas essas duas semanas dei uma furada nos treinos, já que andei em semana de provas na faculdade e são tempos tensos.

Tenho altas novidades pra contar... Sobre a dieta com as amigas, sobre mais exercícios, sobre receitas... E por falar em receitas, devo uns sucos né??? Já experimentei um monte... Mas é pura falta se tempo de não postar aqui... Mas hoje sai!!! Ao menos duas receitas!

Beijos!!!


Abaixo, olha a foto da derrota!!! Hahahahahahha


segunda-feira, 9 de abril de 2012

[Gordinha's Facts] A Dieta!!!

Falei da dieta da proteína e de seus resultados (repare que eu não disse a palavra benefícios) e aquele sorrisão aparece. O fato é que a dieta da proteína é uma dieta incorreta de se fazer, mas de nada perigosa (na minha humilde opinião) se feita com atenção e com as variações necessárias. Diversidade de folhas, frutas e legumes que podem ser aplicados na dieta e que muitas pessoas esquecem, acabam comendo – e se aproveitando – somente as carnes, os bacons e os ovos. Há de se ter consciência para encarar essa dieta. 

Confesso, sem vergonha alguma, que a dieta dos chás que eu propus, e que posso até postar aqui, é mais politicamente correta do que a da proteína. A proposta dela também é muito boa, mas a dieta da proteína é mais agressiva. Mas independente da dieta, tem de se ter moderação. Saber equilibrar os alimentos no prato, saber comer com moderação, são algumas chaves para o emagrecimento saudável.

Algumas pessoas relatam que conseguem perder aproximadamente 8kg por mês, e eu tenho um amigo que estou acompanhando e que perdeu, em 3 semanas, 9kg. A perda varia de acordo com o corpo de cada um, com o metabolismo e com a dedicação ao objetivo. Não adianta fazer a dieta e não se mexer. TEM DE DAR UMA MEXIDA NO CORPO!!! Malhação, caminhada, corridinha, natação... pelo menos 3x na semana. O corpo tem de entender que você está querendo mudar de rotina e ele tem de se adaptar a ela.

Nessa dieta, você passa por um período de adaptação. Os primeiros dias podem ser um pouco difíceis. Com a falta dos carboidratos mais famosos (arroz e feijão) você pode ter aquela sensação de insaciedade e os desejos por doces com certeza vão crescer. É a hora de você inventar outra coisa pra comer... e sabe o que ajuda muito? Você não ter doces na sua frente para te tentarem. Em casa, não é necessário fazer com que todos sigam a sua dieta, mas é bacana informar que você está fazendo uma dieta para que todos te ajudem – não fazendo aquele brigadeirinho de colher ou aquele bolinho para tomar com café.

Quer umas dicas?

1. Com a lista de alimentos que eu vou postar lá embaixo (que eu peguei de um artigo e achei a mais bacana), o ideal é que você monte sua dieta de acordo com as coisas que mais gosta e que mais estão ao seu alcance, no seu dia a dia. Tente criar um cardápio variado por semana! Você vai ver na lista que tem tantos alimentos possíveis na dieta, que você vai ficar perdida na hora de montar seu cardápio.
2. Não se importe se houver repetições no seu cardápio. Você pode comer o que quiser, lembra? Desde que seja dentro dos alimentos permitidos. Saiba que, montar o cardápio e procurar receitas baseadas na dieta da proteína, te dá ânimo e ajuda na hora de fazer a listinha do supermercado. Você vai ver que vai ser melhor e que vai conseguir ter no carrinho, somente o que está na lista!
3. Não deixe aquele monstro roxo da fome chegar pra você pensar em almoçar. Aquela regra bacana de comer sempre de 3 em 3 horas é muito bem vinda. Uma fatia de queijo, uma fruta... tá valendo.
4. Lembra que eu disse que o leque de alimentos era bem grande? E é! A boa é aproveitar a grande variedade de alimentos e fazer disso, uma lista de infinitas possibilidades. Aproveite as folhas, os legumes, os molhos... quanto mais colorido e diversificado o seu prato, melhor.

OMG, Debora... não tem como se isentar de comer carboidratos! Como eu faço??? Ilusão nossa imaginar que existem meios de não ingerir nenhuma mísera grama de carboidrato. Essa lista de alimentos que eu vou colocar aí embaixo tem o mínimo do mínimo de carboidrato - é uma dieta de restrição parcial de carboidratos. Relaxe e persevere.

ALIMENTOS PROIBIDOS (meninas, é proibido! Proibido não rola!!! Não se sabote!!!)
1.   Açúcar e doces de uma forma geral
2.   Bebidas alcoólicas e refrigerantes
3.   Aipim, Batata, Cará, Inhame, Nabo (raízes)
4.   Arroz, Milho, Ervilha, Feijão, Grão de Bico, Lentilha (Grãos)
5.   Abacate, Banana, Caqui, Fruta do Conde, Uva
6.   Todas as frutas secas (Ameixa preta, Amêndoas, Amendoim, Avelãs, Banana passa, Castanhas, Damasco, Nozes, Tâmara, Uva passa, etc.)
7.   Tudo o que levar farinha (à dorê, à milanesa, biscoitos, bolos, empadões, empanado, massas, pão, pastelões, requeijão, salgadinhos, tortas, molho branco, etc.).

ALIMENTOS PERMITIDOS (comer normalmente, sem excesso)
1.   Todos os tipos de carne preparadas de qualquer maneira, desde que não leve farinha (boi, galinha, peixe, porco, crustáceos, etc.)
2.   Todas as verduras e legumes (com exceção dos citados acima), preparados e temperados a gosto – azeite, vinagre, sal, pimenta do reino, maionese, etc.
3.   Ovos preparados de qualquer maneira (fritos, omelete, mexido, cozido, quente, etc)
4.   Todos os tipos de queijos (prato, minas, provolone, ricota, cotáge, mussarela, parmesão, gorgonzola, etc)
5.   Todos os tipos de frios, enlatados e embutidos (atum, sardinha, presunto, presunto, salame, mortadela, salsicha, salsichão, apresuntados, peito de peru, etc.).
6.   Todas as frutas, com exceção das citadas acima. O ideal são duas unidades ou porção equivalente (no máximo 5). Não beber suco, e sim comê-las.
7.   Líquidos que podem ser ingeridos durante a dieta: Limonada, Chá, Mate, Café, Água (natural ou com gás), Leite (moderadamente), refrigerantes diet nos fins de semana (com moderação)
8.   Usar sempre o adoçante de sua preferência.
Para a noooossa alegria, pode chiclete ou bala diet! Claro que em quantidades moderadas...


VEGETAIS
Abóbora, abobrinha, acelga, agrião, aipo, alcachofra, alface, aspargo, azeitona, berinjela, beterraba, brócolis, cebola, cenoura, champignon, chicória, chuchu, couve de bruxelas, couve-flor, espinafre, jiló, maxixe, nabo em folhas, palmito, pepino, pimentão, quiabo, rabanete, repolho, tomate, vagem.

CARNES
Boi, coelho, coração, cordeiro, crustáceos (camarão, lagosta, ostra, mexilhão, siri, caranguejo), dobradinha, fígado, galinha, língua, lula, pato, peixes, peru, polvo, porco, presunto magro, rins, salsichas, vitela.

FRUTAS
Abacaxi, amora, cereja, figo, goiaba, grape-fruit, kiwi, laranja, laranja lima, lima da pérsia, limão, maça, mamão, manga, maracujá, melancia, melão, morango, nectarina, nêspera, pera, pêssego, tangerina.

LATICÍNIOS
Coalhada caseira, creme de leite, iogurte natural, leite, manteiga, margarina, queijos. Dê preferência aos desnatados.

CONDIMENTOS
Ajinomoto, azeite (extra virgem – de preferência), canela, cebolinha, cheiro verde, coentro, catchup, maionese, mostarda, óleo (canola, girassol, milho, arroz), orégano, pimentas, sal, salsa, suco de limão, tomate, vinagre.

VÁRIOS


Caldo de carne ou galinha, gelatina diet, ovo (não mais do que dois ao dia).

domingo, 1 de abril de 2012

[Gordinha's Facts] Persevere

Amiguinhos!!!
Viram os últimos posts??? Estou decidida a fazer a dieta da proteína... e meu jantar? Saladas e mais saladas. Até quando janto na rua, estou investindo em salada. Vale a pena.
E pra amiguinha Simone que não gosta de salada... saiba que eu não gostava muito também, até perceber que não teria como fugir. Até hoje não como todas as folhas que as pessoas comem, a única que eu como é alface. Minhas saladas só tem gosto porque eu incremento, eu invento algo para dar sabor, não curto ficar mastigando folhas sem sentir gosto algum. Tudo é uma questão de hábito. Coloquei na cabeça que tinha que melhorar em alguns pontos e comer salada foi o pontapé inicial. Comecei comendo pouco e hoje como aos montes. Um grande incentivador foi um amigo, que sempre comia e implicava bastante comigo por eu passar direto do buffet de saladas e cair de cara no arroz e feijão. Acho que você consegue, mas tem de começar, tem de tentar. Dizer que não gosta e nem dar bola é muito fácil. Quando você faz isso, está se sabotando sem querer, minando suas reais vontades. Comece com algumas folhas, temperadas com sal e azeite; acrescente legumes cozidos, alguns tomates, pepino... o que você gostar. É possível!

Estou aqui para dizer (na verdade, repetir) que vou mesmo fazer a dieta da proteína; Estou super decidida. Sei que não vai ser fácil, mas... e alguma coisa é fácil nessa vida? Perseverança é a palavra de ordem. E para dar aquela estimulada, vou postar partes de uma matéria que li ontem e fiquei muito impressionada (e estimulada). Uma jovem obesa resolveu emagrecer, resolveu deixar as desculpas que a faziam perder o ânimo, resolveu correr atrás da boa forma. Pesquisou o que deveria fazer e comer e foi à luta. Virou ícone de perseverança, capas de "n" revistas, modelo e Miss Biquiní. Nessa empreitada, a jovem Jennifer perdeu 30kg e está gatíssima. Fotos da moça aí embaixo.


Ela deixa algumas dicas para quem quer MESMO perder peso mas se sabota com seus próprios pensamentos.

1 - Você deve esquecer as desculpas que fazem você desanimar, como falta de tempo e dinheiro. Nada disso é impeditivo para entrar em forma.
2 - Não espere ver os resultados de um dia para o outro, pois entrar em forma de maneira saudável requer tempo e dedicação, por isso, nada de desesperos.
3 - Ser saudável é mais importante do que ser magra, por isso, os treinos devem ser voltados para que você se fortaleça e não que fique exausta e fraca.
4 - Além do físico, trabalhe seus lados mental e emocional.

Parece simples, não é??? E é! Basta querer. Se você se encarou no espelho e depois de muitos debates consigo mesma chegou a conclusão que sim, você tem de encarar a perda de peso com fervor, você tem a chave para se tornar uma Jennifer. Sim, você!!!
Eu, você... seremos Jennifer!


*já disse que a Jen (viramos íntimas) tem dois filhos? Detalhe né??

Sinceridades

Sim, primeiro de abril e não é mentira: estou postando.
Confesso que, devido a minha batalha pessoal para perder peso, estou dando muito mais bola ao meu outro filhinho mais novo, esse meu blog onde eu narro minhas lutas contra a balança. Tento postar sempre, mas tenho tanta coisa pra fazer (trabalho, estudos, social, família, cursos) que mesmo com toda a tecnologia ao meu alcance (vulgo iPad) eu vacilo nas postagens. Mas estou me organizando e isso um dia entra nos eixos.
A luta contra a balança está fantástica. Perco algumas, ganho outras... mas espero ganhar com o total de pontos. Os investimentos estão sendo feitos, os cronogramas estão sendo acertados e vai dar tudo certo.

Mas estou aqui pra colocar e debater (comigo mesma, pq eu sou múltipla) uma questão que anda me afligindo ultimamente: como saber qual o nível de intimidade com uma pessoa? Mas tem de ser AQUELA intimidade.
Vamos à questão: tenho umas verdades que devem ser ditas para uma pessoa entaladas na minha garganta. Sempre quis falar, mandar a real, abrir os olhos dela, mas sempre que penso em fazer isso, acho que não tenho intimidade o suficiente pra chegar e dizer tudo o que penso. O que coloca uma outra questão: as pessoas, em geral, não estão prontas para ouvir sinceridades das outras; as pessoas curtem esse lance de "dizer o que o outro quer que seja dito", enquanto eu e uma minoria que dá a cara a tapa curtem o lance contrário, de dizer o que está realmente se passando ou o que estamos achando de verdade de uma determinada situação.
Então, chego num ponto interessante da questão: não sei se tenho intimidade suficiente com a pessoa e ao mesmo tempo não sei se ela está pronta pra ouvir o que eu tenho a dizer.

Mas quem é essa pessoa? O que eu tenho de dizer a ela que não posso simplesmente dizer, virar as costas e ir embora? É uma pessoa bacana. Emotiva, com o pé no chão... mas quando o assunto é amor, é um caos. Ela fica burra, chata, insistente, melancólica. Na presença do amor, ela fica quase intragável. Fica irracional, vira saco de pancadas.
Mas que amor é esse??? E eu perguntaria que homem é esse que consegue mudar uma pessoa dessa maneira? Que consegue baixar todas as suas defesas, transformar uma pessoa decidida e firme num capacho de R$1,99? É um homem que não merece o amor que ela tem pra dar, um cara que quer curtir, mas ela insiste em amar. E é isso que eu quero contar a ela: ELE NÃO QUER NADA COM VOCÊ.

Amores platônicos? Não acho. O que essa minha amiguinha tem é um amor que jamais será correspondido em altura, não por esse cara. Ele é novo, deixou claro pra ela que só quer curtir, que não quer nada sério com ela. Ok, se fosse só isso. Mas aí eles resolveram ser FF. Ah, desculpe, nem todos sabem o que é isso: FF = Fucking Friends. Feio né??? Mas é isso aí. Ela, mesmo o amando, aceitou ter uma amizade colorida. Mas nessa amizade, ele levava bem a sério a questão de ser apenas uma amizade, enquanto ela esperava, paulatinamente, ele retornar com arrependimento por ter dormido com outras mulheres e cair em seus braços para sempre. Não, não, não... ele não é desses. Quando ele estava afim, sem outra pessoa, quando não conseguia pegar ninguém na night, ele recorria à ela, que se desvalorizava a cada dia, ao aceitar a situação de forma tranquila, sem aproveitar da mesma forma.

E o que está ruim... ainda pode piorar. Ele percebeu que ela estava de muito amorzinho pro lado dele e a excluiu de sua lista de FF. E mais: disse para todos que não queria mais nada com ela. Acho que chegou a dizer até pra ela, que parece que não sacou. E a amizade, que antes fluía (não a colorida), agora não mais. Vivem às turras. Muitos dizem que dali ainda sai um relacionamento sério e duradouro, e eu digo que não sai nada. E ele também diz que não sai. E ela... bem, precisa entender isso.

Queria muito conversar e abrir o jogo todo. Certamente, não direi nada do que ela não saiba, mas a visão de quem está de fora sempre é melhor e completamente diferente da visão de quem passa pela situação. Nessas horas é que eu acho que ela não tem amigas de verdade, afinal, vi que as amigas apóiam essa idéia de ela namorar com ele e algumas ousam citar casamento!!! De onde saem essas criaturas? Em qual realidade vivem? Desconheço.
Eu converso muito com ela, mas ainda acho que não sou amiga suficiente pra dar esse choque de realidade, mas, se eu comparar com as amigas que curtem esse "relacionamento" que nutre num mundo de fantasia, me acho amiga pra caralho. Aguardo um momento ideal pra tocar no assunto. Aguardo ansiosamente para nos encontrarmos em alguma situação onde haja álcool, onde eu me aproveitaria totalmente da situação para falar absolutamente tudo o que tenho pra dizer.

Mas e aí? O que você faria? Quais palavras usaria?

sábado, 31 de março de 2012

[Gordinha's Facts] Ando devendo...

Ufaaaaa... Voltei! Ando passando por um turbilhão de coisas aqui: trabalho, faculdade, novos amigos, obra em casa... Super tenso. Mas to aqui só pra dizer que não esqueci desse espaço! Lembra daquela dieta que divulguei no blog??? Tenho que confessar que comecei seguindo super bem, mas o fato é que tomar chá antes das refeições não deu muito certo. Não tenho lugares disponíveis para fazer chá todo dia. O bom é que meus jantares estão sendo sempre ótimos (depois posto fotos), mas o dia a dia permanece naquela correria. Coisa boa é que agora eu lancho de tarde e tento comer alguma coisa entre meu café e o almoço. Anda dando certo, tudo isso aliado a exercícios.
Mas parei de seguir a dieta. Quero dizer que parei de seguir o cardápio da dieta. Uma amiga me mandou uma mega dieta da proteína que ando super tentada a fazer. Não parei a dieta e comecei a comer loucamente, mas parei de seguir religiosamente, e resolvi manter alguns bons hábitos. 

Mas e essa dieta nova hein... A dieta da proteína. Muito interessante. As comidas impressionam, você olha o cardápio e acha que jamais comerá aquilo no café da manhã ou na janta, mas você come e se sente bem. É uma dieta bastante agressiva, pois algumas pessoas relatam ter se sentido fracas durante a realização da mesma, ter tido a memória fraca e por aí vai. É uma dieta que não pode ser seguida por mais de duas ou três semanas, pelo fato de você cortar carboidratos do prato, coisa que o corpo precisa pra se manter. Acho que meu maior medo não é cortar o carboidrato - coisa que tenho feito com prazer e certa facilidade ao longo dessa semana - mas sim, de sentir falta dele durante minhas atividades físicas. Eu faço luta e pretendo malhar, por isso, preciso de energia. Mas dizem que é possível ingerir uma certa quantidade de carboidrato por dia (bem pouco) sem comprometer a dieta. Provavelmente o farei e mais: li que não poderei beber leite. E meu mau humor??? Não sou ninguém se não beber leite pela manhã, por isso, meu furo da dieta será o leite.

O cardápio é interessante, com uma perda de peso super absurda, para se ter uma idéia, possuo um amigo que se encontra fazendo a dieta, não de forma tão rigorosa, e que já perdeu 10kg em 3 semanas. Milagre? Nem tanto: é a dieta aliada a exercícios físicos. Ficarei estonteante se perder parte disso.

Mas não só de palavras é que se faz uma dieta. Mais do que cardápios elaborados, a tão citada força de vontade tem de existir com força total e se fazer valer. Ontem, ouvi de uma amiga uma coisa muito bacana: nossos próprios pensamentos sabotam nossa dieta. O mais comum deles é aquele onde você cometeu um pecado e pensa: ah, já saí da dieta mesmo, agora eu vou comer tudo o que puder! O erro está justamente nessa segunda parte da frase. Você está consciente que fugiu da dieta, então, porque não pensar em "poxa, saí da dieta mas vou voltar pra ela, não posso desistir" ao invés de sair de vez e depois ficar se culpando pelos cantos? É difícil fazer dieta, não é bacana se privar de coisas que estamos acostumados a comer, mas se pensarmos no benefício que pode trazer...

Já comecei, meia boca, mas comecei... vou postar meus pratos dessa semana... O mais bacana é ver quanto meus pratos estão pesando no self-service, além do fato de eu não ter comido pão a semana toda...


Ando feliz. Mas longe do que eu quero estar... Mas um degrau de cada vez. 

(sério... aqui também tinha um monte de fotos legais, dos meus pratos durante o jantar ao longo de uma semana. Estavam ótimos, normalmente saladas e atum, ou presunto... dava orgulho de ver! Mas eu perdi as fotos nessa transição de blogs... )

domingo, 26 de fevereiro de 2012

[Gordinha's Facts] The Beginning

Carnaval passou... Mas e como ficou a dieta nesses dias de folia??? Que dieta ????(risos) Confesso que pisei na jaca, chutei o pau da barraca, me acabei. Num dia, comi pizza; no outro, comi fondue com os amigos... e assim segui, só contendo as quantidades no almoço e na janta. Os belisquetes reinaram por todo o feriado de carnaval e ao voltar para os treinos de Muay Thai, percebi que tinha engordado 2kg. Quase tive um treco. Fiquei pensando, remoendo, me culpando, mas não tinha jeito: agora só me resta correr atras dos quilos recuperados.

O treino foi muito bacana e finalmente conheci o tal aluno que emagreceu horrores em 3 meses (lembra que meu mestre de Muay Thai me contou que tinha sido em um mês??? Exageraaaado). Ele, na verdade, já é instrutor e me deu aula na sexta! Perguntei tudo da dieta pra ele e mesmo não tendo sido 20kg num mês, não perdi o pique e a vontade de emagrecer. Ele me contou que foram meses bastante interessantes, onde ele descobriu que tinha muito mais garra e força de vontade que acreditava ter. Me contou também sobre a mudança radical que fez na alimentação. Suas refeições de almoço e jantar eram compostas basicamente de frango grelhado, arroz integral e muita, mas MUITA salada, sem aquele tempero industrializado. Ele se permitia feijão uma vez na semana, tomava café normalmente, com fatias de pão integral. Manteve a regra clássica de não ficar sem ingerir alimentos em períodos maiores que três horas. Me confessou que pisava na jaca uma vez por mês, não resistindo a pizza.
Ele não me disse, mas supus que ele tenha cortado refrigerante da vida, além de doces e belisquetes gordurosos.
Fiquei bastante impressionada. Comer frango TODO DIA não é coisa para qualquer ser humano. E é obvio que hoje em dia, ele não quer mais ouvir a palavra frango. Ele me disse que sempre comeu bem, já que tinha que ter energia para treinar (durante a dieta ele não parou de freqüentar a academia de luta, que foi fundamental para o sucesso da redução de peso).

Tem como desanimar com isso??? Aí é que eu resolvi me empolgar mais. Minha linda amiga Priscila Marsili me deu uma dieta bastante interessante. Ok, ok... tenho dietas de médicos e vou seguir a dieta que minha amiga me passou ao invés de seguir a da medica??? Sim, pq não??? Li a dieta de cabo a rabo (diversas vezes) e vi que ela me serve. Não vou ficar desmaiando por aí por falta de energia, pois a dieta me dá muitas opções interessantes e eu pretendo fazer umas mudanças nela. Andei caçando na internet uns sucos e shakes para fazer e serão um excelente lanche! Como mudei de trabalho e posso guardar tranqüilamente meu mixer na minha gaveta, vai ser tranquilo tirar 5 minutos pra preparar e saborear shakes e sucos toda tarde. Peguei muitas receitas - muitas mesmo - e vou testando. De algumas eu tenho certeza de que vou gostar muito, mas de outras, tenho minhas dúvidas e por isso vou testando. A medida que for fazendo, vou postando e dando minha opinião, dizendo se realmente saciou a fome, quantas calorias tem, praticidade na hora de fazer e até a facilidade (ou não) de transportar os ingredientes.
A dieta??? Posso até postar... Num outro post, claro, pra esse não ficar muito looongo. Mas só pra adiantar, é a dieta dos chás. Nada de especial, mas a idéia é que uma xícara de chá seja ingerida antes das principais refeições, tipo cinco ou dez minutos antes. Para quem trabalha fora, fica impossível tomar uma chá antes do almoço, por exemplo, então, a idéia é que se tome o chá antes do café da manhã, do lanche e da ceia. E não é qualquer chá. Vou postar os chás mais recomendados e suas ações. Alguns eu tomarei com certeza, já outros... Vai ser um pouco difícil! Adoro chá, mas tomar esses vai ter um porém: vou ter de encarar um adoçante. Detesto, já que todos parecem que ficam com aquele gosto amargo no fim da bebida. Li uma matéria sobre isso em algum lugar e não tem jeito: cada um tem de ir testando adoçantes pra saber com qual seu paladar acostuma.

Mas enfim... Uma nova dieta se inicia, parcialmente, hoje. Mas que droga!!! Porque a dieta não começa definitivamente hoje??? Hoje estou no trabalho... Não tem onde eu comer um arroz integral ou uma saladinha. Com isso, trouxe um risoto de frango, feito sem gordura nenhuma (até o molho de tomate que eu usei era light). De lanche, terá meu primeiro Shake.
Mais tarde eu volto pra postar os chás e minha primeira receitinha do lanche.


Beijoooo

(eu tinha uma foto bem bacana aqui, dos meus incentivadores da academia, mas nessa troca de blogs, acabei perdendo a foto. Um deles era o meu mestre e o outro, o "menino" que perdeu 27kg.)

domingo, 19 de fevereiro de 2012

[Gordinha's Facts] Esse 2012...

Opa! Olha eu aqui de novo... Não esqueci desse meu espaço de desabafos e luta constante contra esse peso que tanto me assombra. As festas de fim de ano passaram, o mês de Janeiro passou e cá estamos, em fevereiro, em pleno carnaval. Vou te dizer???? Detesto essa época. A única vantagem é esse feriado prolongado, onde alguns caem na folia e outros, como eu, aproveitam para colocar os projetos em dia ou finalmente montar um projeto, afinal, o ano só começa de verdade depois do carnaval. Ou seja, ainda dá tempo de estabelecer metas e pensar em todo o cronograma anual.

Mas esse meu 2012 começou de forma bastante interessante. Todos sabem (se não sabiam, sabem agora) que eu passava por uma crise no meu trabalho. E logo na primeira semana de janeiro, recebi uma proposta de uma empresa que eu simplesmente amo. Já trabalhei lá, saí super bem, deixando as portas abertas e fiquei super feliz e surpresa quando me ligaram e me fizeram uma mega proposta. Meu corpo, na hora, aceitou. Acho que eu devo ter pensado na proposta por uns dois dias, mas foi só de charme. Aceitei, lógico e estou trabalhando lá, oficialmente, desde o dia 13 de Janeiro.
Mas até o dia 10 de fevereiro, fiquei trabalhando nas duas empresas ao mesmo tempo. Foi tenso, cansativo, mas valeu a pena. Estou bastante feliz.

Mas com essa questão de um novo trabalho, meus horários mudaram e eu tive que repensar a academia. Por mais que eu estivesse gostando das atividades e do preço que eu estava pagando, não daria mais para continuar. Fui na academia, conversei e peguei meus cheques de volta. Mas decidi que não poderia ficar parada, simplesmente porque não posso ficar parada engordando e vendo minhas roupas passarem. Fui pro Muay Thai.

Uma academia só de lutas é o que me colocaria pra cima e é exatamente o que está acontecendo. Estou adorando as aulas, por mais que fique quebrada ao fim de cada uma, mas o fato é que o meu corpo vai acostumar com todo esse movimento. Para dar uma força na queima das calorias durante as aulas, estou tomando o acelerador de metabolismo OXYELITE PRO. Muitas pessoas já ouviram falar dele: algumas ouviram boas coisas, outros, más; mas o fato é que eu acho que não está fazendo o mesmo efeito em mim que faz nas outras pessoas. Claro que os batimentos aceleram, mas eu confesso que não sinto uma mega disposição no estilo HULK de ser. Não saio pela academia socando todos os sacos de areia e nem corro tranquila como se fosse uma atleta olímpica de corrida. Mas pode ser que seja o início, meu corpo está se acostumando. Vamos ver. Comecei a tomar faz uma semana. Vou intensificar os treinos, então não vou furar ao tomar o suplemento.
Na última aula que eu fiz, resolvi me pesar no início e no fim. Claro que eu considerei a perda de líquidos (de MUITO líquido) e considerei repor tudo o que perdi (e bebi muita água durante o treino) e vi que, no fim, tinha perdido 1kg - PUTZ, UM QUILOOOO - e fiquei muito feliz. No fim daquele treino, resolvi trocar uma idéia com meu mestre, para até colocar essa questão de que eu quero perder peso. Ele me deixou super animada ao dizer que um aluno dele chegou a perder quase 20kg em um mês, treinando de 3 a 4 vezes na semana e refazendo sua cultura alimentar. Poxa... fiquei MEGA ANIMADA e sei lá né... se em uma aula perdi 1kg, como será daqui pra frente??? Só tenho coisas boas a imaginar...
Quando puder, juro, vou tirar umas fotos da academia... e posto aqui. Claro que eu quero uma foto minha aqui, treinando, e tal... vou tentar isso...


Força!!! E feliz 2012!!!

(MUITO MUITO MUITO) Feliz 2012

FELIZ 2012!!!

E esta mesmo sendo super feliz. Se olhares no post abaixo deste, verás que termino dizendo que as coisas vão melhorar quanto a minha vida profissional, pois era o que estava faltando... e sabe de uma coisa?? Melhorou!!! Acabei mudando de emprego, para um desafio novo e estou curtindo. Mas o mais bacana de tudo é voltar a uma empresa da qual sempre gostei... tenho um amigo que diz que eu só fui feliz lá. Pode ser que ele tenha razão. Percebo isso ao retornar.
Estou feliz, as pessoas me receberam super bem... espero que tudo corra bem.

E de resto, na maior e santa paz. O namoro vai bem, os amigos fluem bem e a família vai a 100%. Ando super ansiosa com a faculdade, ando cheia de expectativas com relação ao curso. Espero que dê tudo certo e que minhas ansiedades sejam correspondidas.

Mas eu já volto!!! Vim aqui pra dar um alô, pra dizer que não sumi e que eu ainda me lembro desse espaço...

Beijooo